menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-Luís Pimentel
-Maiara Santos
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
UEFS INICIA CALENDÁRIO EXPOSITIVO DE 2019 COM DUAS GRANDES MOSTRAS


Publicado em: 17/03/2019 - 02:03:46

    A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) convida a comunidade para vernissage dos artistas Antonio Carvalho de Novaes, Albery França e Avany França, na próxima quinta-feira (21), às 20h. A mostra fica em pauta até 17 de maio no Museu Regional de Arte (MRA), localizado no Cento Universitário de Cultura e Arte (Cuca), com objetivo de propor panoramas discursivos sobre tendências artísticas contemporâneas, a partir de pinturas e fotografias, abordando universos, singularidades, distintas histórias e territórios.
    A exposição Ocaso - Aleijadinho, Arte e Fé tem sua temática voltada à reprodução artística, em óleo sobre tela, das faces dos profetas esculpidos em pedra-sabão por Antonio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, que estão no adro da basílica de Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas (MG). Também consta da exposição telas representando as faces de diversos personagens dos Passos da Paixão, igualmente elaborados pelo mestre Aleijadinho e que integram o Santuário de Bom Jesus de Matosinhos.
Antonio Francisco Lisboa é considerado a maior expressão da arte nacional. O tema central de suas obras é a religiosidade e as imagens sacras que produziu e que se caracterizam pela leveza, simplicidade e dinamismo, com traços marcantes do mestre.
   A denominação da exposição, Ocaso - Aleijadinho, Arte e Fé, homenageia o poema Ocaso do modernista Oswald de Andrade, que esteve em Congonhas (MG) em meados de 1920 e resgatou a importância do Aleijadinho para a arte, a cultura e a história do país.
As esculturas do Aleijadinho remetem a manifestações de fé e religiosidade, conferindo à exposição um valor transcendente, de variados significados, conduzindo o visitante a uma experiência singular de fruição estética, sensorial e poética.
    Antônio Carvalho de Novaes reside em Feira de Santana-BA e teve seu primeiro contato com as artes plásticas aos 13 anos de idade. Quando chegou à vida adulta interrompeu suas produções artísticas para cuidar de sua formação, da família e da carreira no serviço público.
Em 2014 retomou suas produções de forma entusiasmada e no ano seguinte realizou exposição na cidade de Zwolle, próximo a Amsterdam, Holanda. Em 2016 apresentou a exposição Recortes de Feira de Santana na Galeria de Arte Carlo Barbosa, em Feira de Santana.

Dois Irmãos

    Dois irmãos, dois olhares, duas câmeras, duas formas de perceber o mundo. Albery França, feirense, profissional, surdo. Ávany França, feirense, curiosa, cidadã do mundo. Juntos, eles levam ao Museu Regional de Arte duas percepções de mundo por meio da fotografia.
    "Dois Irmãos, duas formas de perceber o mundo" é um convite a uma viagem de muitas nuances por meio da arte da fotografia e do olhar de dois irmãos fotógrafos, filhos da terra. Os olhares de dois filhos da terra que se unificam em forma de 25 fotografias que vão além dos limites da Princesinha do Sertão.
    Albery, por meio de suas lentes, retrata a Bahia de forma amplificada, já que, como profissional fotógrafo surdo, as suas imagens são captadas por uma percepção aguçada que transcende o limite da visão.
    Ávany traz a sua perspectiva multicultural, por meio das suas andanças e experiências dos diversos países que já visitou. "Um universo, por vezes, tão alheio ao nosso, mas que pode, também, confundir-se com o que nos é familiar", afirma.
    A mostra será aberta pelo poeta feirense Antônio Braga. Hoje residindo em São Paulo, se dispôs a viajar a Feira de Santana especialmente para declamar poesias no vernissage.

AUTORIA: Release do MRA - Museu Regional de Artes



VIVEIRO (DE ARARA)


Publicado em: 13/03/2019 - 12:03:16

    Esse meu novo conjunto de cantos, VIVEIRO (de Arara), nasceu de uma necessidade crescente em dar novos ares à minha prática poética, rumo a um lirismo inspirado especialmente na cultura popular. Esta é a primeira vez que desenvolvo um livro de poemas em torno de uma temática exclusiva e com um sotaque próprio. Por isso, fui em busca de uma  certa alteridade, experimentando trocar o eu-lírico pelo eu-público, sob a persona autoral de Arara. A defesa do meio ambiente é o tema geral do livro, que procura um diálogo entre minha visão de mundo e a urgente consciência coletiva sobre a sustentabilidade. De certa forma, o objetivo final é chamar a atenção do leitor para a responsabilidade social que ele tem como cidadão diante da ideologia do consumo desenfreado que ameaça cruelmente nosso querido ecossistema.
    VIVEIRO é dividido em duas partes: FEIRINHA e MEU AMBIENTE. Na primeira, faço dos frutos da terra os elementos centrais dos cantos, transplantando o ambiente das feirinhas de bairro (tradicionais em Feira) para esse meu novo universo simbólico. Da mesma forma, a maravilhosa tradição literária dos cordelistas é base importante para as estruturas de versificação. Desse modo, os cantos estão impregnados de recursos lúdicos que buscam ambientar o leitor num lugar da cultura nordestina que lhe é familiar. Na segunda parte, MEU AMBIENTE, volto minha atenção para a urbanidade, numa crítica afiada contra as ações humanas depredatórias. O tom de exaltação à natureza funde-se aqui a momentos de protesto e reivindicação, com cores de ativismo ambiental.
    VIVEIRO tem prefácio da poetisa Telma Siqueira, que num dos trechos afirma: “No conjunto, são cantos de declaração de amor à vida, à alegria e à leveza, sentimentos que justificam o anseio do poeta por uma vivência natural e harmoniosa com o meio ambiente.”; a editoração é de Edson Maxado, para a Coleção Aldebarã do MAC/Feira, com apoio da Fundação Cultural Egberto Costa; as ilustrações foram feitas especialmente para o livro pelo artista visual e teatral José Arcanjo; e o design da capa é do jornalista e diagramador João França. Além disso, o livro teve a consultoria do renomado poeta Roberval Pereyr, que colaborou com sugestões preciosas.

SERVIÇO
O QUÊ: Lançamento do livro VIVEIRO (de Arara), de Araylton Públio.
ONDE: MAC/Museu de Arte Contemporânea Raimundo de Oliveira.
QUANDO: 21 de março de 2019, às 20h00. Entrada franca.
VALOR DO LIVRO: 10,00 (dez reais).
[Estudante paga a metade]

AUTORIA: Release do Autor



I FÓRUM JURÍDICO DE FEIRA DE SANTANA ACONTECE EM MARÇO


Publicado em: 06/03/2019 - 00:03:51

    Pensando na atual conjuntura política e social pela qual o país está passando e atravessa, bem como na importância do Direito para a compreensão da relação entre a Justiça e as práticas sociais, o Instituto de Desenvolvimento Humano Évora (Idhe) traz para o público feirense o I Fórum Jurídico, cujo tema é “O Direito e a Democracia no cenário político atual”.
    Nos dias 21, 22 e 23 de março, no Centro de Cultura Maestro Miro acontecerá debates em torno do Direito Penal e sua relação com o Estado Democrático de Direito; Justiça do Trabalho, Democracia e Previdência Social; Direito Previdenciário; Direito do Trabalho; Direito Civil e Direitos Humanos no novo contexto social; e também o lançamento do livro “Entre Salas e Celas”.
    Os palestrantes Drº Acácio Miranda (professor da UNIFMU e palestrante de cultura e eventos da OAB/SP), a Drª Camila Trabuco (membro da Comissão de Defesa da OAB-Feira de Santana), a Drª Fabiana Machado (autora do artigo sobre fusão dos crimes de estupro e atentado ao pudor no 10º Congresso Nacional de Iniciação Científica CONIC-SEMESP), o Drº Frederico Amado (Doutorando em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social e especialista em Direito do Estado, e também Procurador Federal com atuação na área de meio ambiente e de previdência social), Drº Marcelo Semer (Mestre em Direito Penal pela Universidade de São Paulo, Juiz de Direito também em São Paulo e membro da Associação Juízes para a Democracia, além de colunista em sites) e Dr Bruno Pacheco e Drº Fabio Roque, também advogados e complementando a mesa, serão os oradores do evento.
    “O homem é, por sua natureza, um animal político. Aquele que, por natureza, não possui estado, é superior ou mesmo inferior ao homem, quer dizer: ou é um Deus ou mesmo um animal” (Aristóteles). Através desse pensamento o Idhe convida você a participar dos diálogos políticos e democráticos que perpetram o mundo jurídico.

- Inscrições: R$100 (estudante) e R$200 (profissional).
- Se inscrevam através dos telefones: (75) 9 8127-5768 / 9 9710-1499

AUTORIA: Release do Ascom Idhe - Laísa Melo



COMISSÃO SE REÚNE PARA INICIAR OS PREPARATIVOS FLIFS

O maior evento cultural da cidade está sendo preparado com o carinho e responsabilidade de sempre!

Publicado em: 07/02/2019 - 01:02:03

    Este ano a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) realizará a 12ª edição da Feira do Livro, a Flifs. O pontapé inicial dos preparativos foi dado nesta quinta-feira (7) durante a primeira reunião da comissão geral de organização, realizada no campus da Uefs. O encontro reuniu representantes de algumas das instituições parceiras: Sesc, Prefeitura e Arquidiocese de Feira de Santana.
    De acordo com a coordenadora da Flifs, Eliana Mota, a reunião teve como objetivo iniciar os trabalhos de organização e planejamento da 12ª edição. “Esse primeiro encontro é muito importante porque reafirmamos parcerias com as instituições organizadoras e traçamos os encaminhamentos iniciais para concretização do evento”, explicou.
    A partir de agora as comissões de trabalho já iniciam suas atividades como prospecção de novos apoios, divulgação e discussões acerca da programação deste ano. Como nos anos anteriores, a Feira de Livro de Feira de Santana deverá ocorrer no mês de setembro.

AUTORIA: Release da Ascom UEFS



CUCA DIVULGA O RESULTADO DO SORTEIO PARA OFICINAS


Publicado em: 31/01/2019 - 12:01:23

    Já está disponível o resultado do sorteio eletrônico para as oficinas de dança e atividades corporais, teatro, artes visuais e música do Centro Universitário de Cultura e Arte da Universidade Estadual de Feira de Santana (Cuca/Uefs). Os candidatos selecionados precisam efetivar suas matrículas, presencialmente no Cuca, nos dias 05 e 06 de fevereiro, das 8h às 12h e das 14h às 17h.
    Vale lembrar que a matrícula será confirmada através do pagamento de uma taxa única no valor de R$ 120,00. Servidores e alunos residentes da Uefs têm direito à isenção em uma oficina. Cônjuges e dependentes legais de servidores, bem como alunos não residentes da Uefs têm isenção parcial.
    A divulgação da Lista de 2ª chamada está prevista para o dia 11 de fevereiro. Mais informações através do e-mail cuca@uefs.br , do telefone (75) 3221-9611 e nas redes sociais do Cuca (Instagram e Facebook).
Confira a Lista de 1ª Chamada.

AUTORIA: Release da Ascom UEFS



SESSÃO DE FÉRIAS INICIA O MÊS DE JANEIRO NO MUSEU PARQUE DO SABER

Uma gestão dinâmica à frente da Fundação Egberto Costa oferece ao público feirense uma excelente opção de lazer durante as férias escolares!

Publicado em: 06/01/2019 - 22:01:23

    Mês de janeiro é o mês das férias, e nada melhor que passar essa época com a família e explorando o universo. Pela quarta vez o Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo realiza uma programação especial para este período.
    A Sessão de Férias que acontece durante os dias 09 de janeiro à 01 de fevereiro, sempre às quartas, quintas e sextas-feiras, no horário das 15h. É uma adaptação nas exibições dos filmes do planetário para uma tarde de diversão gratuita para todas as idades.
    Para enriquecer ainda mais a programação a quarta edição vem com novidades. Uma delas são as Sessões Astronômicas, que vão funcionar com um formato de aula, ministradas pelo diretor do Museu, Basílio Fernandez. O objeto de estudo serão as figuras presentes no céu, que vão ser ilustradas com projeções no planetário.    
    A outra novidade é um novo filme na grade da programação. “As Descobertas da Gravidade de Einstein” terá sua estreia agora em janeiro, sendo destaque na Sessão de Férias. O filme explora a teoria gravitacional reconhecida no trabalho do físico Albert Einstein, através da narração da personagem Lúcia, que direciona o espectador nessa viagem.
    Além da Sessão de Férias, o Museu volta com as exibições das Sessões Públicas aos domingos, pontualmente às 17h. O Museu Parque do Saber fica localizado na rua dos Tupinambás, nº 275, no bairro São João, ao fundo do Shopping Boulevard.

Confira a programação:
09/01 - Quarta-feira - ABC das Estrelas | 15h
10/01 - Quinta-feira - Figuras no Céu - Sessão de Astronomia infantil  | 15h
11/01 - Sexta-feira - O Aniversário do Pingo | 15h
16/01 - Quarta-feira - Figuras no Céu - Sessão de Astronomia infantil | 15h
17/01 - Quinta-feira - Explorando o Universo com Galileu  | 15h
18/01 - Sexta-feira - Larry Cat  | 15h
23/01 - Quarta-feira - O Aniversário do Pingo | 15h
24/01 - Quinta-feira - Figuras no Céu - Sessão de Astronomia infantil | 15h
25/01 - Sexta-feira - O Código do Corpo | 15h
30/01 - Quarta-feira - ABC das Estrelas| 15h
31/01 - Quinta-feira - As Descobertas da Gravidade de Einstein | 15h
01/02 - Sexta-feira - Larry Cat  | 15h

O QUE: Sessão de Férias
QUANDO: Nos dias 09 de janeiro à 01 de fevereiro às 15h 
ONDE: Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo
ENTRADA GRATUITA

AUTORIA: Release do Ascom Funtitec



RÁDIO SOCIEDADE COMEMORA 70 ANOS E HOMENAGEIA NOMES DO RÁDIO FEIRENSE


Publicado em: 26/12/2018 - 10:12:12

    Em clima de confraternização, a Rádio Sociedade de Feira de Santana premiou, na última sexta,21, no restaurante Boi e     Brasa (Ville Gourmet), nomes de destaque dos seus 70 anos de história.
Foram homenageados grandes nomes do rádio feirense, além de ex-superintendentes da Rádio     Sociedade e membros         dos bastidores. Estiveram presentes os ex-superintendentes da Rádio Sociedade, como Frei Orlando Bittencourt, Frei  Carlos Alberto (Frei Cal), Frei Elenilson do Nascimento, Frei Ruviwalter Brito, Dom Frei Manoel Delson Pedreira da  Cruz, além de funcionários, parceiros e outros ex-    colaboradores da emissora.
    O Superintendente Frei Vandeí Santana, falou sobre a importância de sempre lembrar o trabalho daqueles que         fizeram e fazem parte da história de uma emissora relevante para a cidade de Feira de Santana como a Rádio Sociedade,     que ocupa primeiro lugar em audiência no interior da Bahia.
    “Muitos me precederam, muitos vieram antes de     mim. Desde os primeiros. O processo de migração, por exemplo.     Foi o     Frei Elenilson quem deu o pon
tapé inicial, eu cheguei e concluí o projeto. Foi uma responsabilidade muito grande. Com     a ajuda dos nossos colaboradores a gente foi tomando o pé para que o processo acontecesse”,     disse.
    O Superintendente da emissora entre 1980 e 1993 foi Frei Orlando Bittencourt, tendo atuado por   treze anos etendo  sido o Superintendente que por mais tempo conduziu a Rádio Sociedade. Ele falou sobre a emoção de ver             emissora crescendo.
    “Está progredindo de modo muito especial. Está     realmente inteirada neste novo mundo da comunicação, o da         internet, o do século XXI. Sem     sombra de dúvida apontando possibilidades de     grande sucesso nesta nova realidade.         Sinto-me feliz em ter sido convidado para este momento de celebração das grandes vitórias da Sociedade”,         disse.
    Na oportunidade, a Rádio Sociedade lançou também seu novo pacote de vinhetas para o ano de 2019.

     70 ANOS DE HISTÓRIA
     Fundada em 1948, em seu tempo de existência a Rádio Sociedade é conhecida por sua proximidade com o público         feirense, informando sobre as mais diversas áreas. Comprometida com um jornalismo     que aborda esporte, saúde,         segurança e com uma     programação completa que debate os mais diversos assuntos, a emissora firma,
    todos os dias, sua responsabilidade social.

    Regida pela Fundação Santo Antônio e coordenada pelos Frades Capuchinhos desde 1960, a emissora  alcança mais de 35 municípios e atua, principalmente, na relação entre ouvinte e fé,     promovendo o Evangelho na         região. Todos os anos     fomenta a solidariedade através de eventos como a Ação Social e o Natal Solidário,     beneficiando     população e inúmeras ONGs.
    Operou em frequência AM por 69 anos quand
o, no início deste ano, foi ao ar pela primeira vez na frequência     102.1     FM. Foi a primeira rádio AM a migrar para a frequência FM em Feira de Santana. Além da melhora da qualidade de áudio,     com a     mudança, os ouvintes, passaram a escutar a Sociedade também através do     aplicativo de rádio dos celulares, já que a nova frequência proporciona maior integração das emissoras de rádio com plataformas digitais.
    Nomes que receberam o troféu 70 ANOS: AldoMatos, Amadeu Pitanga (RIP), Antônio Carlos     Cerqueira, Carlos         Valadares, Dilson Barbosa,Dilton Coutinho, Dom Delson Pedreira, Dom ItamarVian, Dona Milu, Dora, Dr.Orlando     Bittencourt, Ednei, Fernando Henrique, Fernando Moreira, Frei Cal, Frei Elenilson Pereira, Frei MonteiroSobrinho,
    Frei Rutivalter Brito, Gilvan Franklin, James Nassif, Joilton Freitas, Jorge Bianchi, José Ramos, KleberCosta, Linéia     Fernandes, Lúcio Moura, Luís Santos, Maria José, Miro Nascimento, Nivaldo Lancaster, Patrícia Sales,Paulo José, Professora Marisa, Reginaldo Lima e Marcelo Fernandes. , Roberta Costa, Roberto Rubens,Rogério Santana,Silvério     Silva, Tanúrio Brito, Valdeir Uchôa, Zadir Marques Porto.


AUTORIA: Jornalismo RRC



ORIENTAL FAIR: FESTIVAL DE DANÇA BAHIA/ BRASIL ACONTECE NESTE FINAL DE SEMANA EM FEIRA DE SANTANA


Publicado em: 06/12/2018 - 12:12:10

    Neste final de semana acontece a edição anual do Oriental Fair: Festival de Dança Bahia/ Brasil. O evento que já está em seu 8º (oitavo) ano, conta na abertura de sua programação com um Show de Gala no dia 8 de Dezembro, em que alunos de dança oriental de Feira de Santana dançam ao lado dos bailarinos profissionais convidados de vários Estados do Brasil. O Show é temático e todo o cenário, figurino, músicas e coreografias dizem respeito ao tema escolhido ‘Oriental Fair In Concert’ que unirá toda beleza da dança oriental às maiores músicas clássicas de todos os tempos.
    O espetáculo com formato pioneiro na região Nordeste, é produzido e coreografado por Bia Vasconcelos e conta com uma super equipe técnica a fim de proporcionar aos expectadores um evento inesquecível. Neste ano os bailarinos convidados serão Maria Badulaques de São Paulo, Carol Freitas de Brasília, Juliana Bononi e Mariana Stafocker de São Paulo.
    No dia 9 de Dezembro o Oriental Fair promoverá também a capacitação técnica dos participantes mediante o oferecimento de quatro oficinas práticas, ministradas pelos professores de São Paulo e Brasília. As oficinas oferecem 30 vagas por turma a fim de viabilizar o intercâmbio entre os estudantes feirenses que não têm oportunidade de viajar para outros estados para aperfeiçoar-se com diferentes profissionais. Nas aulas serão abordadas as principais técnicas da dança, direcionadas a todos os níveis.
    Durante toda a programação do evento haverá a Feira Oriental com artigos específicos de dança, acessórios, figurinos, variedades e artesanato a preços populares, além de produtos direcionados ao universo feminino, fitness, saúde e bem estar.
    O Oriental Fair acontecerá no Centro de Cultura Maestro Miro, sendo uma excelente opção cultural para toda a família neste final de semana.
    Maiores informações:
    www.orientalfair.com.br | biavasconcelosdance@gmail.com | (75) 99136-4131

    SERVIÇO
    Oriental Fair: Festival de Dança Bahia/ Brasil – 8ª Edição
    Mostras de Dança Oriental Fair
    8 de Dezembro (sábado) às 18:00h | Centro de Cultura Maestro Miro | Inteira R$ 50/Meia R$25
    Show de Gala Oriental Fair In Concert
    8 de Dezembro (sábado) às 20:00h | Centro de Cultura Maestro Miro | Inteira R$ 50/Meia R$25
    Oficinas de Aperfeiçoamento Técnico
    3 de Dezembro (domingo) das 13:00 às 17:00 | Centro de Cultura Maestro Miro

AUTORIA: Bia Vasconcelos



EMPREENDEDORES CRIATIVOS PARTICIPAM DO FEIRA NOISE FESTIVAL

Feira Camelô tem o objetivo de incentivar empreendedores e marcas locais

Publicado em: 26/11/2018 - 10:11:18

    O Feira Noise, festival de artes integradas em Feira de Santana (BA), recebeu ontem (24), os grupos Sangue Real, Casa Pronta, Navelha, Stephen Ulrich Band, Ponto Nulo no Céu, Seu Pereira e o Coletivo 401, Tuyo, Erasy, Drenna e Scalene nos palcos Spotify e Sertões. Além dos shows, o evento realiza mais uma edição da Feira Camelô, feirinha de produtos diversos que ocupa o Centro de Cultura Amélio Amorim.
    De acordo com o Feira Coletivo, organizador da oitava edição do festival, a Feira Camelô tem o objetivo de incentivar empreendedores e marcas locais. O público pode encontrar nos stands montados na parte superior da Concha Acústica um leque de opções como cosméticos feitos a mão, produtos personalizados, crochê, além de ateliê de beleza, brechó e flash tattoo.
    “Ao realizar a curadoria observamos a relevância artística, originalidade e processo criativo da proposta – inovação e trabalhos feitos a mão foram priorizados”, contou Heloisa Lima, coordenadora da feira.
    Karen Mendes, da K3 Distribuidora, falou sobre a importância de dialogar com o público do Feira Noise por meio da Feira Camelô. “O Feira Noise é reconhecido na Bahia e no Brasil. O público é totalmente diversificado, então pra gente que está aqui com nossas marcas agregando ao festival é importante ter esse diálogo”, disse a expositora que já participou outras vezes do evento como cantora e apreciadora. “A cada ano participo de um jeito diferente”, concluiu.
    A cabelereira Heloísa França, do Heloísa França Ateliê de Beleza, está participando pela primeira vez. “Para nós que somos autônomos estar em um festival independente é mais uma forma de estar próximo e agregar um público”, afirmou.
    Raquel Terra Nova, do estúdio Terra Nova Tattoo, destacou a visibilidade que a feirinha proporcionou a seu empreendimento. “Eu acompanho o Feira Noise como público desde o início. Estar aqui depois de dois anos de profissão e poder tatuar a galera que eu me identifico é muito legal. A tatuagem às vezes não tem tanta visibilidade e estar no Feira Noise este ano me proporcionou divulgar o meu trabalho”, disse a tatuadora.
    O Feira Noise segue com sua programação neste domingo (25), último dia, onde se apresentam Lerry, Hiran, P1 Rappers, Lâmmia, Dona Iracema, Zimbra, Clube de Patifes, Roça Sound, Sons de Mercúrio, Zuhri, Iorigun, Boogarins e Duda Beat.


AUTORIA: Assessoria de Imprensa | VAGALUME ASSESSORIA



Mais Notícias

    Mês de janeiro é o mês das férias, e nada melhor que...

    Em clima de confraternização, a Rádio Sociedade de Feira ...

    Neste final de semana acontece a edição anual do Oriental Fair: ...

    O Feira Noise, festival de artes integradas em Feira de Santana (BA), recebeu ...

    O show 60 Anos de Bossa Nova marca o retorno da banda Baiana Bossa ao palco da...

    O espetáculo Claro/Com Certeza, será apresentado no próxi...

    A 6ª edição do SambaZouk Feira é o momento ideal par...

    Você tem ideia do que é um cuscuz “avexado”? Alguma v...

    Aconteceu no último sábado,  03 de novembro, o workshop de ...

    O livro do IV Concurso Municipal de Poesia de Feira de Santana Prêmio Ge...


Página de 29
| | | | |

 

Apoio Cultural:



Micareta 2019

Higienizar

Viva Feira
New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados