menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Dr. Ed Forró
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-João Bosco do Nordeste
-Luís Pimentel
-Maiara Santos
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
AMLA PARTICIPA DO TRÍDUO CULTURAL DE TANQUINHO

O Coletivo Cultural de Tanquinho e o Grupo de Teatro ( Tamtan), formados por pessoas da comunidade, mais uma vez se reúnem para realizar TRÍDUO CULTURAL.

Publicado em: 26/11/2021 - 05:11:29

    O Evento já está na sua 21ª edição e  reúne em três dias, a mais variadas linguagens  artísticas de Tanquinho e cidades do estado da Bahia. Este ano, o evento acontecerá nos dias 26,27 e 28 de novembro conforme detalhamento, anexo.
    O Tríduo Cultural (TRITAN) é um evento que já se tornou um marco para a história cultural da cidade, pois conseguiu por vinte  anos, mesmo que pontualmente, reunir em três dias, as mais diversas linguagens artísticas da cidade e região e proporcionar aos munícipes e, sobretudo aos jovens uma oportunidade não apenas de produção, valorização e exposição de suas artes, mas sobretudo, de consumo de outras linguagens artísticas, que não estão presentes no seu cotidiano.
    Neste sentido o tríduo cultural, além de ser um rico e significativo evento de arte(s) é, sobretudo, um evento político-educativo, uma vez que impulsiona os (as) cidadãos (ãs) a (re)pensarem o seu contexto e acesso ou negação do direito à cultura e à arte.
    O Município de Tanquinho fica localizado no Semiárido baiano e pertence ao Território Portal do Sertão com cerca de 8.500 habitantes. Vivendo da agricultura de subsistência, o comércio vive com os mesmos desafios da maioria das cidades, com baixa renda per capita e sem muitas alternativas para a juventude, apesar de terem um grande potencial artístico e um celeiro de produção de doces, queijos,  licores, biscoitos e muitas pessoas com aptidões sobretudo na área musical.
    Durante os três dias acontecem nas escolas, Oficinas de Grafitagem, Dança, Teatro, Xilogravura, Produção de Cordel, Mesas de Conversa com temas de interesse local, apresentações de livros de escritores ligados ao município, Feira de produtos e artesanato da Região, atividades para o público infantil envolvendo as escolas do município (TRIDINHO) e a noite, apresentações no Palco, por onde passam artistas locais e de outras cidades.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA
SEXTA: 26/11/2021
08:00 – Oficinas de Arte e Educação (Escola Monsenhor Trabuco)
17:00 – Intervenção Artística nas ruas de Tanquinho.
19:00 – Abertura (Coletivo Cultural)
Local: Palco do Parque Santo Antonio
Teatro – Os Impactantes
Sarau de Poesias
 Igor Teles
Kel e Eliana
Geisa
Música – FAMUTAN ( Fanfarra Municipal de Tanquinho)
Dança – Jucimar
Swing Dance –
Nossas Vozes – Kinho, Lucas Aboiador, Ronald (Gospel).
Quarteto Tanquinhense – Nilinho, Mário, Gene, Inha.
Banda Katucada
Obs: Durante os três dias haverá a Feira de Saberes e Sabores: fortalecendo a economia criativa no município.

SÁBADO: 27/11/2021
19:00
Poesia – Geisa
Dança – Cristiano
Sarau de Música e Poesia ( Participação Especial)
 AMLA – Academia Metropolitana de Letras e Artes.
Teatro – Grupo de Naide
Desfile de Eliana
Dança de Levi
Intervenção Artística ( Geo e Cia)
Forrozão Arrocha o Laço e Convidado
ThiaChika

DOMINGO: 28/11/2021
LOCAL: Cobertura do Mercado Municipal
06:00 – Caminhada Ecológica e Rapel – Monte da Emancipação
07:00 – Passeio Ciclístico
09:00 – Apresentações Esportivas
10:00 – Apresentações Culturais
    • Roda de Capoeira
    • Samba de Roda da Vila Albino
    • Samba de Roda Amigos da Penha
    • Bumba meu Boi
11:00 – Música ao vivo com almoço cultural.
Bingo em prol do Tríduo Cultural
19:00
Teatro
Música – Veni
Desfile de Kalantã
Finalistas do The Voice Kael Reló
Forró Maneiro e Convidado ( Ivonaldo)
Participação de Ana
Encerramento

AUTORIA: Release da Ascom do Evento



COLETIVO VINIL FEIRA REALIZA 1ª EDIÇÃO DE FEIRA DE DISCOS

Evento terá expositores, música ao vivo, gastronomia e discos novos e usados, prontos para serem (re)descobertos.

Publicado em: 18/11/2021 - 22:11:58

    O disco de vinil está mais vivo do que nunca. E neste sábado, 20/11, a partir das 14h, Feira de Santana entra oficialmente na rota das feiras de discos que aquecem o mercado e movimentam o negócio da mídia física, tirando os discos dos sebos e levando-os ao público. 
    O evento, realizado pelo coletivo local Vinil Feira, em parceria com o Container Mall, um complexo gastronômico no coração da cidade, contará com a presença de 13 expositores, comercializando discos novos e usados, lançamentos e clássicos, nacionais e importados, raridades e favoritos das frequências radiofônicas. Tem discos que não ouve mais? Também há opção de levá-los para ofertar em trocas. A animação musical ficará a cargo de um bamba da casa: o DJ Harry comandará as pick-ups.
    E o mais importante: todos os protocolos sanitários adotados em resposta à pandemia da Covid-19 serão observados. É obrigatório o uso de máscara durante a circulação em público, distanciamento social de pelo menos 1,5 metro e levar um comprovante de vacinação. Todos os expositores disponibilizarão álcool em gel nos stands e garantem o cuidado com os clássicos do passado: todos os discos são limpos e abrigados em plásticos novos, garantindo um manuseio seguro e higiênico.
Mercado Aquecido
    O mercado de discos de vinil está em ascensão desde meados dos anos 2000, com o declínio do CD com principal formato físico e apesar da popularização dos serviços de streaming. De acordo com dados da MRC, em parceria com a Billboard norte-americana, a venda de vinis nos EUA cresceram 108% nos primeiros meses de 2021, com 19.2 milhões de cópias vendidas apenas em solo americano. No Reino Unido, 4.8 milhões de cópias foram vendidas no primeiro semestre deste ano, o que representa 18% do total de álbuns vendidos. No Brasil, apesar de não haver dados oficiais, o mercado parece seguir a mesma tendência, com o surgimento de clubes de assinantes, como Noize Record Club, Três Selos, Vinil Brasil e, mais recentemente, o Amigues do Vinil, que relançam clássicos e novidades de artistas contemporâneos em tiragem limitada. Sim, discos lacrados, cheirando a novos.
    Alinhados a essa crescente, a ideia do Coletivo Vinil Feira é fortalecer o comércio e o intercâmbio musical local, fortalecer a cena e consolidar-se como a principal feira musical da região.
SERVIÇO:
O quê:  1ª Edição da Feira de Discos
Quando: Sábado, 20/11, das 14h às 20h.
Onde:  Conteiner Mall – Avenida Maria Quitéria, no 2011, Centro, Feira de Santana – BA
Informações à imprensa:  Marcel Bane:  (71) 992693700 / marcel.bane@gmail.com

AUTORIA: Release da Ascom da Cervejaria Sertões



CASA PRONTA ESPALHA AMOR NO NOVO EP E CELEBRA EXU

- Casapronta quer espalhar amor, enquanto reafirma raízes em novo EP - Disco sai pelo selo feirense Banana Atômica

Publicado em: 03/11/2021 - 04:11:20

    “´Amor` é o que mais precisamos nos últimos tempos, mais do que nunca”, fala o vocalista da banda feirense Casapronta, Pablues, em uma alusão ao EP "Amor" que o grupo acaba de lançar em parceria com o selo  Banana Atômica. "Amor" também é nome do primeiro single lançado oficialmente no Dia dos Namorados, em junho desse ano. O EP sai agora completo com as 6 canções e está disponível em todas as plataformas de streaming e foi fruto de um financiamento coletivo, que iniciou a sua campanha com o single “Amor”.
    “Como vínhamos falando dessa necessidade de pôr em prática muito do que apenas falamos da boca pra fora, inclusive sobre respeito e amor, resolvemos usar o mesmo nome para o EP.  A canção ‘Amor’ foi composta esse ano, na sala de casa, enquanto conversava com Juli, minha namorada, sobre como Belchior e o Nirvana tinham influências em nossas vidas. São muito presentes todo o tempo, "entra ano e sai ano". É tanto que a canção tem citações diretas do grunge da turma do Cobain, onde usamos equipamentos que eles usavam, quanto de Belch, na letra, citando ‘Sujeito de sorte’. ‘Amor’ é uma contradição das boas: tem o peso e a velocidade de um rock visceral, cru e direto, aliado a uma poesia simples e doce. Ao final da canção, vocês podem ouvir as declarações de amor que nossos amigos e amigas colabodorxs fizeram e nos enviaram.  Ao mesmo tempo, essa canção é uma declaração de amor pra Juli. Me considero um sujeito de sorte”, conta Pablues Casapronta já revelando as referências para a canção.
    O vocalista diz que o EP é uma grande reunião de “som de preto”, já que tem reggae, rock, samba, blues... Todos estilos musicais marcados por terem como protagonistas e criadores pessoas pretas.
    “Nesse EP tem de tudo um pouco. Rock de Seattle "deFeirenseado", rock de preto com samba de terreiro, blues-jazz-folk-fusion, e reggae. Se você notar são todas canções de Preto. A música black como sempre buscamos afirmar em tudo o que fazemos, desde 2018 quando lançamos nossa demo tape. Só que cada qual tem sua dinâmica e visão sobre o que produz. Mas tá tudo ali, é parar e prestar atenção. As canções do EP falam de amor, cada uma à sua maneira. O amor próprio que devemos manter vivo pra ajudar a superar situações adversas, o amor pela fé na espiritualidade e religiosidade, que é uma marca nossa, e amor  por poder amar livremente, quem quer que seja. A pandemia "bateu forte" na gente e nasceram muitas composições. Desse EP, apenas `Velho Bob´ não foi composta nesse período, foi a primeira composição da banda e só agora conseguimos gravar, com um arranjo bem bacana”, comenta. São duas canções inéditas no EP. Além de `Velho Bob´, que o nosso `Fusion´, trazemos o reggae `A PLANTA´. Falamos sobre a importância das plantas sagradas que a ancestralidade nos ensina, e ainda hoje usamos em casa. Quem não conhece a `comigo ninguém pode´, que protege a porta das casas? É sobre isso, completa Pablues.
´Arte Catre Sans    Como grande marca dessa reafirmação de suas raízes e cores, o Casapronta abre o disco com a canção “Devoção” em que celebra a divindade do iorubá e do jejê, Exu. A entidade ainda sofre com a demonização por conta da repressão às religiões de origem africana, como umbanda e candomblé aqui no Brasil, ou vodu no Haiti. Repressão essa que vem desde o século XVI. Na verdade, Exu é um mensageiro, é ele quem faz a comunicação e mediação entre os orixás e o mundo dos humanos. Sendo sempre está ligado à vitalidade, à força, à proteção e à aplicação da lei em seus domínios espirituais.
    “Exu é vida, Exu é amor, Exu é o ar que respiramos. Falar de Exu é muita responsabilidade e ainda causa muita polêmica. A nossa proposta foi trazer uma discussão contra o racismo, intolerância religiosa e mais uma vez afirmar que Exu não é diabo. O diabo é uma invenção para desmerecer a religiosidade do povo de santo, do candomblé e umbanda. Alguns cristãos ainda são preconceituosos, conservadores e violentos. Nosso papel aqui é fincar uma bandeira contra tudo isso. Não é fácil. Nunca foi. `Devoção´ é nosso `pé na porta´ em favor de você cultuar quem você queira. Liberdade e resistência. Como sempre. Respeito e amor, são palavras chave pra uma sociedade viver em harmonia. `Devoção´ é muito especial pra nós. Arrepia em ouvir, ainda, e também quando a gente toca nos ensaios. `Devoção´ é nosso agradecimento. Exu é Odara, Exu é comunicação, Exu é movimento, é mudança, é tudo novo de novo. Isso é `Devoção´. Isso é o que Casapronta deseja pra todes”, diz Pablues.
     “Amor”, o EP, tem produção de Pablues Casapronta, foi gravado, mixado e masterizado no Estúdio Netuno, em Feira de Santana, entre abril e maio de 2021, com o técnico Paulo Victor, exceto “Um convite pra vida” gravada em janeiro de 2021 e “O Grito” gravada, mixada e masterizada em outubro de 2020, no Estúdio Greta, em Salvador por Silvio de Carvalho.

MAIS SOBRE CASAPRONTA
O Casapronta é uma banda que faz “música mundana”, situada em Feira de Santana (BA), que se influencia pelas “encruzilhadas do recôncavo” e do mundo. A banda foi formada em 2017 no coração do Recôncavo Baiano, em Cachoeira, por Pablues - também vocalista do Clube de Patifes -  enquanto cursava uma graduação em Museologia pela UFRB.  Em 2018 lançou uma demo tape “Casapronta Nº18”, onde fez sua estreia. Em 2019 gravou seu disco “Como a fúria da beleza do sol”, eleito um dos melhores discos do ano e ficou em 4º lugar na votação popular no site El Cabong. Durante a pandemia surgem algumas composições, e lançam o single “O grito”, em 2020, além de um bootleg chamado ”Ensaio Perdido”. Vídeos criativos, feitos com um celular, dentro de casa, também foram disponibilizados no canal no Youtube durante a pandemia.

Redes Sociais
Instagram: https://www.instagram.com/casaprontafolk/
Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCLd2nS8Vxdq2sxz-_fewniQ  
Facebook: https://www.facebook.com/pabluescasapronta

MAIS SOBRE BANANA ATÔMICA
Nascido em janeiro de 2019, o Banana Atômica é um selo e por vezes produtora sediada em Feira de Santana (BA) e encabeçada por Joilson Santos. Joilson já tem mais de dez anos de carreira e é um importante produtor na cidade, sendo o criador do festival Feira Noise, além de shows e eventos que movimentam a cena no local.

AUTORIA: Release de Favorite Assessoria - Alessandra Braz



CD SAMBA NA REDE VALORIZA O SAMBA RURAL DE FEIRA DE SANTANA


Publicado em: 14/10/2021 - 20:10:05

    O CD Samba na Rede, uma coletânea de músicas inéditas do samba rural de Feira de Santana, será lançado nesta segunda-feira (18), em todas as plataformas digitais. O projeto busca salvaguardar este patrimônio imaterial de nossa região e estimular a perpetuação desta cultura para as novas gerações.
    O CD traz a participação de cantores e sambadores de localidades como Matinha e São José, distritos de Feira, que participaram do documentário “Samba na Rede”, lançado no Youtube pelo Programa Viva Vooz Web. O filme foi dirigido pelo produtor e publicitário Carlos Augusto e a cantora, radialista e produtora cultural Márcia Porto.
    A iniciativa promove o resgate e registro de composições de sambadores que nunca tiveram a oportunidade de gravar profissionalmente suas músicas, além de estimular a produção de novos trabalhos. O álbum reúne obras de Daniel Penha, Bel da Bonita, Tonha e Lia Zequinha, Dona Ana e Dona Lúcia, Miguel e Adelmário, Cassiano e Batoque, Márcia Porto, Carlos Augusto e Anselmo Roberto.
    A coletânea foi viabilizada através de recursos da Lei Aldir Blanc com o apoio da Prefeitura de Feira de Santana através da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer via Lei Aldir Blanc, direcionado pela Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal. Confira coletânea e documentário no canal do Programa Viva Vooz Web no Youtube (https://www.youtube.com/c/PROGRAMAVIVAVOOZWEB).

AUTORIA: Release da Vamo Assessoria



PRA COMEÇAR O FERIADÃO COM O PÉ DIREITO - HOJE - BANDO A FLOR DA PELE


Publicado em: 08/10/2021 - 17:10:53

    A agenda do Centro Cultural Sesc Feira
 
    Hoje no café Teatro do SESC Centro, às 18 h em formato reduzido o "Bando A Flor da Pele" da o toque do show!

    Se liga na sonzeira que vai rolar !!
   Daqui mesmo da Princesinha do Sertão, o @bandoaflordapele trás em seu show  elementos da música afro-latina (Rumba, Salsa, Lambada, Cumbia, etc) . A sonoridade da banda  também passa por vários sons bem brasileiros, como a MPB, a soul music nacional, o axé dos anos 80/90, do pagodão ao carimbó!

É musica pra todos os gostos , estilos e idades !

Promete uma noite daquelas!

Você aí, não vai ficar de fora né ?!


O Ingresso Social :
R$ 2,00 (inteira )
R$ 1,00 ( Cartão Sesc / Meia )

⚠️Venha de Máscara ⚠️

#tododiaédiadesec #cultura

AUTORIA: Release da Ascom do SESC Feira



A PROGRAMAÇÃO CULTURAL HÍBRIDA DO SESC BAHIA - IMPERDÍVEL

Com uma variedade de linguagens, o Sesc Bahia promove espetáculos e shows em formatos presencial e online.

Publicado em: 19/08/2021 - 00:08:12

    Nesse mês de agosto, o Sesc Bahia dá continuidade à sua programação em formato presencial, em alguns dos seus espaços culturais, e online. Todos os eventos presenciais têm seguido os protocolos sanitários indicados pelas autoridades competentes, a exemplo do uso obrigatório de máscaras e a manutenção do distanciamento para o público. São diversas as opções neste fim de semana, de 20 e 22 de agosto, entre elas teatro, circo, poesia, filme, música nas unidades de Salvador, Santo Antônio de Jesus e Feira de Santana.
    Em Salvador, o TEATRO SESC-SENAC PELOURINHO traz apresentações para toda a família e com o ingresso “combo”, no sábado, que permite o acesso a três espetáculos por um único valor: R$10/5 e R$ 8 (Cartão Sesc válido). Na sexta-feira, dia 20, às 18h30, com entrada gratuita, o artista Veko Araújo abre a noite musical do espaço com a performance poética “Lamentartes”. Na sequência, às 19h, com ingressos a R$ 10/5 e R$ 8 (Cartão Sesc válido), o público aprecia a apresentação do diretor musical e baixista do Olodum, Elpídio Bastos, que traz o show “Sem tirar nem por”, que dá nome ao seu terceiro CD autoral, em uma mistura de ritmos eletrônicos e batidas de raiz. No sábado, 21, é a vez de receber a criançada: às 15h, a contadora de histórias Terezinha Passos apresenta “Um Amor de Lagartixa”, com participação de Luciana Ávilla e do músico Maxwell Otton; às 16h, o grupo de palhaços músicos “Musiclauns” coloca todo mundo pra dançar e cantar ao som de xote, reggae, marchinhas, baiões, rocks, sambas, e muitas brincadeiras; e às 17h, o espetáculo “Minino”, do grupo Àttomos Cia de Dança, apresenta a relação entre o mundo da fantasia das histórias tradicionais e dos personagens fantásticos admirados na contemporaneidade. O enredo do espetáculo trata das histórias e brincadeiras vividas pelas crianças, mostrando sua transição cronológica pela infância.
    Em Feira de Santana, o CAFÉ-TEATRO DO CENTRO CULTURAL SESC recebe o cantor e compositor Tito Pereira. O instrumentista tem mais de 20 anos de carreira e já trabalhou com importantes nomes da música brasileira, como Xangai, Waldick Soriano e Geraldo Azevedo. A apresentação acontece no dia 20 (sexta) às 18h e os ingressos custam R$2 e R$1(meia/Cartão Sesc válido).
    Em Santo Antônio de Jesus, o foyer do TEATRO SESC está com a exposição de haikai e desenhos de Millôr Fernandes, das 9h às 17h. No Cine Sesc, sessão de filme sempre às 15h, no dia 21.
    Na programação virtual, o público de casa tem a possibilidade de prestigiar através do canal Sesc Bahia do Youtube (www.youtube.com/SescBahiaOficial) outras programações inéditas. No sábado, dia 21, às 19h, a cantora baiana Vania Abreu realiza a sua primeira live do ano para o projeto Sesc Sonoridades. Com um show exclusivo, intitulado “Antes de Hoje”, a artista traz para o palco online músicas que homenageiam o Brasil em sua poética e profundidade, além de canções que marcam sua trajetória musical, com participação dos músicos Xinho Rodrigues (Contrabaixo), Chrys Galante (Percussão) e Léo Mendes (Violão). No domingo, dia 22, às 10h a programação começa cedo com o Dominguinho em Casa, e o show musical “Coisinhas da Arte”, do grupo alagoano Bambolear, que há 10 anos trabalha com um repertório cheio de ludicidade, criatividade e poesia típicas da infância, apresenta uma mistura harmoniosa entre suas canções autorais artístico-culturais, a riqueza do nosso folclore e as tradições populares.
    Para ficar por dentro de tudo que vai acontecer durante todo o mês e nas demais unidades do Sesc Bahia, basta seguir os perfis no Instagram - @sescba |  Facebook - facebook.com/sescbahia, e inscrever-se no canal Sesc Bahia no Youtube, ativar o sino para receber a notificação das estreias: www.youtube.com/SescBahiaOficial.

AUTORIA: Release da Ascom do SESC-Ba.



SESC BAHIA REABRE ESPAÇOS CULTURAIS

Performance literária, música, teatro, circo e contação de histórias marcam a programação de reabertura.

Publicado em: 12/08/2021 - 22:08:13

    O Sesc Bahia retoma neste mês de agosto a programação cultural em algumas de suas Unidades Operacionais, localizadas em cidades nas quais os decretos municipais já permitem a realização de ações com a presença de público. Seguindo os protocolos sanitários indicados pelas autoridades competentes, o Sesc vem se preparando ao longo dos últimos meses para recepcionar o público e os artistas com a máxima segurança possível. Para quem estava com saudade de ir ao teatro, de curtir um show de música ou se divertir com um espetáculo circense, basta conferir a agenda dos espaços culturais nas redes sociais, se programar, e é claro, fazer uso da máscara.
    Em Salvador, o TEATRO SESC-SENAC PELOURINHO traz diferentes linguagens no primeiro final de semana de reabertura, com opção para toda a família, atrações gratuitas ou ingressos que variam entre R$10, 8, 5 e 1. Na sexta-feira, dia 13, às 18h30, o artista Veko Araújo abre a noite musical do espaço com a performance poética ”Lamentartes”. Na sequência, às 19h, o público poderá desfrutar da apresentação da cantora, compositora e instrumentista baiana, Clariana, que vem se destacando no cenário musical de Salvador com seu show de releituras que vão do Pop ao Rock Progressivo. No sábado, 14, será a vez de receber os pequenos! Às 15h, a contadora de histórias Terezinha Passos apresenta “Contadora de Estrelas”, um conto de sua autoria que traz a participação da escritora Palmira Heine e da multi-instrumentista Meg de Souza. Às 16h, a artista de rua e palhaça Vanda Cortez  apresenta “Borbulhando”, um espetáculo de bolhas de sabão gigantes em formato circense, com interatividade cômica, em um mundo de aventuras e possibilidades. Às 17h, o espetáculo “De Brincadeira”, do grupo cênico-musical Cadeiradebrin, oferece um show interativo com músicas que convidam crianças de todas as idades ao brincar, na sua forma mais genuína – com o uso da espontaneidade e imaginação. O repertório e as brincadeiras são, em sua maioria, autorais e inspirados na musicalidade e ações cênicas dos brinquedos populares brasileiros, como vivências de improviso vocal e corporal e os jogos de faz-de-conta.
    Para fechar a programação do final de semana, o Teatro Sesc-Senac Pelourinho preparou uma manhã divertida para o domingo, 15. Às 10h, Alê Casali apresenta “Papailhaço: o herói” – uma performance interativa do palhaço Biancorino, que interage com o público de maneira a revelar quem é o verdadeiro protagonista e herói do espetáculo: A plateia! Com gentileza e sensibilidade, também conduzirá alguns adultos pais a mostrarem seus poderes secretos escondidos, transformando-os em super-heróis para combater a tristeza que arrebata o mundo neste momento. Com mais de 20 anos na palhaçaria, o artista é considerado um dos melhores e mais potentes palhaços do país. No final da manhã, às 11h, é a vez do grupo Canastra Real encantar o público com “Retrós: narracantos de meninar” – narrativas, meninadas com cantos, contos, causos, carochas e outras caraminholas -  uma apresentação cheia de afeto e imaginação que convida o espectador a um passeio pelos quintais da oralidade e mundos encantados.
    Em Feira de Santana, o CAFÉ-TEATRO DO CENTRO CULTURAL SESC recebe o cantor e compositor Guymeo no show “Um cara”, no qual compartilhará com o público seu repertório autoral e releituras de clássicos da música popular brasileira. O músico  ambienta o público de como e quando essas canções surgiram, tornando o show uma  imersão prazerosa e inevitável! A apresentação acontece no dia 13 (sexta) às 18h e os ingressos custam R$2 e R$1(meia/Cartão Sesc).
    Além das apresentações artísticas, os espaços culturais do Sesc Bahia dispõe de bibliotecas, exibição de filmes, exposição, cursos e oficinas de dança, música, teatro e etc. Apesar da retomada das ações presenciais, a instituição mantém sua programação online que é veiculada nas redes sociais, e para ficar por dentro de tudo que vai acontecer durante todo o mês e nas demais unidades, basta seguir os perfis: Instagram - @sescba |  Facebook - facebook.com/sescbahia; e inscrever-se no canal Sesc Bahia no Youtube para receber a notificação das estreias de conteúdo: www.youtube.com/SescBahiaOficial.

Serviço:
Teatro Sesc-Senac Pelourinho (Salvador)
13 de agosto
    • 18h30 - Performance poética ”Lamentartes” com Veko Araújo |gratuito
    • 19h – Show Clariana | R$ 10, R$ 5 e R$ 8 (Cartão Sesc)
14 de agosto
    • 15h - “Contadora de Estrelas” – contação de histórias com Terezinha Passos e convidados | gratuito
    • 16h – Espetáculo “Borbulhando” – com a palhaça Vanda Cortez*
    • 17h - Espetáculo “De Brincadeira” - grupo Cadeiradebrin*
*combo R$10, R$ 5 e R$ 1 (Cartão Sesc)
15 de agosto
    • 10h – Apresentação “Papailhaço: o herói” com  Alê Casali*
    • 11h - Apresentação “Retrós: narracantos de meninar”  - grupo Canastra Real*
*combo R$10, R$ 5 e R$ 1 (Cartão Sesc)

Café-Teatro do Centro Cultural Sesc Feira de Santana
13 de agosto
    • 18h - Guymeo - show “Um cara” | R$2 e R$1(meia/Cartão Sesc).

AUTORIA: Release da Ascom do SESC-Ba.



"MARIA PEQUENA DE OGUM: DE TODOS OS TEMPOS"

Lançamento do documentário sobre a mulher negra e sacerdotisa do Terreiro de Ogum de Ronda!

Publicado em: 18/06/2021 - 17:06:16

    O documentário audiovisual "Maria Pequena de Ogum: de todos os tempos" narra histórias e vivências de Mãe Maria, mulher negra e sacerdotisa do Terreiro de Ogum de Ronda, patrimônio cultural de Feira de Santana-Ba. A obra apresenta a importância da condução espiritual, cultural e social matrilinear e os atravessamentos na vida de quem frequenta este espaço.
     O lançamento ocorrerá próxima terça-feira dia 22, às 18:00 hrs via canal do YouTube com link de acesso no IG: @maemariapequena.
Produção: @dandaradoya e @ nininho.caju.

AUTORIA: Release de divulgação do evento - Bob Bulhões



NEOJIBA - FEIRA DE SANTANA REALIZA CONCERTOS DIDÁTICOS

Concertos Didáticos Online abertos ao público

Publicado em: 13/04/2021 - 22:04:11

    Na próxima quarta (14) e quinta-feira (15), o Núcleo Territorial NEOJIBA Feira de Santana - Antônio Gasparini vai realizar seus primeiros recitais de 2021. Serão dois Concertos Didáticos, abertos ao público, com apresentação das crianças, adolescentes e jovens instrumentistas dos naipes de cordas e sopros. Os Concertos Didáticos acontecem às 19h nos dois dias e serão transmitidos pelo Facebook do programa NEOJIBA.
    O Concerto Didático de cordas apresentará aos espectadores a história de instrumentos como o violino, viola e violoncelo; enquanto no recital de sopros serão apresentadas características e curiosidades de instrumentos como a flauta e o trompete, pelo olhar dos jovens integrantes. No repertório, estão obras eruditas de Bach, Brahms e Weber e também músicas populares consagradas como temas de filmes como Moon River, Viva La Vida e Chega de Saudade.

Sobre o NEOJIBA
    Criado em 2007, o NEOJIBA (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia) promove o desenvolvimento e integração social prioritariamente de crianças, adolescentes e jovens em situações de vulnerabilidade, por meio do ensino e da prática musical coletivos. O programa é mantido pelo Governo do Estado da Bahia, vinculado à Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, e gerido pelo Instituto de Desenvolvimento Social Pela Música. Em 13 anos, o NEOJIBA atendeu, direta e indiretamente, mais de 10 mil crianças, adolescentes e jovens entre 6 e 29 anos.

Concerto Didático de Cordas do Núcleo Territorial NEOJIBA Feira de Santana - Antônio Gasparini
Dias: 14/04 (quarta-feira)
Horário: 19h
Local: Transmissão pelo Facebook do programa NEOJIBAConcerto Didático de Sopros do Núcleo Territorial NEOJIBA Feira de Santana - Antônio
Gasparini
Dias: 15/04 (quinta-feira)
Horário: 19h
Local: Transmissão pelo Facebook do programa NEOJIBA
MAIS INFORMAÇÕES
Instituto de Desenvolvimento Social pela Música – IDSM
Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia - NEOJIBA
Núcleo Territorial NEOJIBA Feira de Santana - Antônio Gasparini
Telefone: +55 75 99228 0106
Gustavo Laporte
Coordenador do NTN Feira de Santana
gustavolaporte@neojiba.org
Celular: (75) 99183 3925
Yananda Lima
Desenvolvimento Institucional
yanandalima@neojiba.org
Celular: (75) 99126 2099

AUTORIA: Release de yanandalima@neojiba.org



Mais Notícias

    Nesse mês de agosto, o Sesc Bahia dá continuidade à sua pr...

    O Sesc Bahia retoma neste mês de agosto a programação cult...

    O documentário audiovisual "Maria Pequena de Ogum: de todos os tem...

    Na próxima quarta (14) e quinta-feira (15), o Núcleo Territorial...

    O evento, em virtude da Pandemia ocorrerá on-line, e em nossa cidade qu...

Realização dos sites: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net; http://marceloe...

    Nívia Maria Vasconcellos, poeta feirense e doutora em literatura pela U...

    O poeta e compositor feirense Setúval lançou no seu instagram of...

    O cantor baiano Roberto Kuelho e Madu Ayá, artista da Paraíba, s...

    Solidariedade e responsabilidade social sempre andaram de mãos dadas. E...


Página de 28
| | | | |

 

Apoio Cultural:



Viva Feira

Higienizar

Josy Santana Artes e Unhas
New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados